2018 - Petrópolis, RJ

XXXI REUNIÃO ANUAL DA ABEU


O presidente da Associação Brasileira das Editoras Universitárias, Marcelo Di Renzo, professor da Universidade Católica de Santos e coordenador da Editora Universitária Leopoldianum, comenta o novo formato da Reunião Anual da ABEU, realizada em 2018 no âmbito do 1º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica:

"A Reunião Anual da ABEU caracteriza-se pela excelência de sua programação, reunindo pesquisadores e profissionais brasileiros e estrangeiros. Sua proposta temática é centrada em discutir os problemas, cenários, desafios e perspectivas da produção editorial desenvolvida nas universidades. Busca, com isso, uma profunda e permanente reflexão acerca dos impactos decorrentes do avanço tecnológico, das transformações no mercado editorial, dos novos hábitos de leitura, das mudanças de comportamento dos consumidores, da necessidade de internacionalização das pesquisas acadêmicas, das políticas públicas de cultura e educação.

Diante dessa realidade, entendemos que a ABEU dispunha de expertise e maturidade para dialogar com outras comunidades além daquela formada pelas editoras associadas. E surgiu a oportunidade de uma reestruturação do evento tradicional, tendo como objetivo o compartilhamento de ideias e vivências, com a concentração da área temática em um seminário aberto à comunidade acadêmica e profissional, sem perder a reserva do espaço associativo.

Estamos muito otimistas com a proposta, pois a equipe da Editora Fiocruz compreendeu plenamente o desafio e, de modo efetivo e criativo, repaginou a programação, potencializando a participação de especialistas e estimulando o amplo debate. Sem dúvida, confiamos que o novo formato irá vingar e fazer escola, com amplo proveito para todos.” 

PROGRAMAÇÃO 22-23/05


22 de maio de 2018 (terça-feira)

Local: campus sede da Fiocruz, Manguinhos

A partir de 12h: Credenciamento e visita à Fiocruz 

14h30: Abertura do evento 

15h: Diálogos de abertura – Qual conhecimento, qual ciência, quais fronteiras? 
Visões contemporâneas sobre os papéis do livro com as participações de:
- Conceição Evaristo (escritora) e
- Eliana Yunes (PUC-Rio)
Saiba mais sobre as convidadas

16h: Atividade cultural

17h: Saída para Petrópolis

23 de maio de 2018 (quarta-feira)

Local: Palácio Itaboraí, Fiocruz Petrópolis

9h30 – 12h: Roda de conversa – Quais livros, quais conteúdos?
Debate sobre os livros acadêmicos que têm sido produzidos, os objetivos que atingem e os desafios que enfrentam com as participações de:
- Carlos Gianotti (Editora Unisinos),
- Luis David Castiel (Ensp/Fiocruz) e
- Marcos da Veiga Pereira (SNEL).
Mediação: Arlindo Fábio G. de Sousa (Canal Saúde/Fiocruz).
Saiba mais sobre os convidados

12h – 13h30: Almoço 

13h30 – 16h00: Roda de conversa – Quais veículos, quais incentivos?
Debate sobre os atuais espaços de publicação e circulação dos conhecimentos científicos com as participações de:
- Alex Niche (Editora UFRGS),
- Marilia Sá Carvalho (Cadernos de Saúde Pública, Ensp/Fiocruz) e
- Paulo Beirão (Fapemig).
Mediação: Wagner de Oliveira (VideoSaúde, Icict/Fiocruz).
Saiba mais sobre os convidados

16h00 – 16h30: Atividade cultural 

16h30 – 17h30: Apresentação de posters

PROGRAMAÇÃO 24-25/05


24 de maio de 2018 (quinta-feira)

Local: Palácio Itaboraí, Fiocruz Petrópolis

9h30 – 12h: Roda de conversa – Quais prateleiras, quais alcances?
Debate sobre estratégias para levar os livros acadêmicos além dos muros da academia com as participações de:
- Renato Farias (Canal Saúde/Fiocruz),
- Rita Argollo (Editora Editus/Uesc) e
- Roberta Moraes de Bem (Repositório Institucional/UFSC).
Mediação: Cláudia Lima (CCS/Fiocruz).
Saiba mais sobre os convidados

12h – 13h30: Almoço 

13h30 – 16h: 31ª Reunião Anual da ABEU 
Reuniões Regionais e Assembleia Geral

16h – 16h30: Atividade cultural 

16h30 – 18h: Apresentação de cases 

18h: Atividade cultural 

25 de maio de 2018 (sexta-feira)

Local: Palácio Itaboraí, Fiocruz Petrópolis

9h30 – 12h: Roda de conversa – Quais políticas, quais interlocuções?
Debate sobre políticas de disseminação dos conhecimentos com as participações de:
- Ricardo Borges (Senado Federal),
- Rogério Lannes Rocha (RADIS, Ensp/Fiocruz) e
- Paula Xavier (VPEIC/Fiocruz).
Mediação: Fernanda Marques (Editora Fiocruz).
Saiba mais sobre os convidados

12h: Diálogos de encerramento – Quais avaliações, quais caminhos, quais perspectivas?
Visões sobre o futuro do livro acadêmico com as participações de:
- Manoel Barral Netto (VPEIC/Fiocruz) e
- Rita Barradas Barata (Diretoria de Avaliação/Capes).
Saiba mais sobre os convidados

13h – 14h30: Almoço 

14h30: Passeio em Petrópolis (por adesão)

17h: Retorno ao Rio de Janeiro

*Programação sujeita a alterações

ABEU TÉCNICO

"Diálogos sobre gestão editorial"


Ministrado por Mariana Warth, da Pallas Editora.

Realizado simultaneamente ao 1º Seminário Brasileiro de Edição Acadêmica e Universitária

& 31ª Reunião Anual da ABEU.

23 e 24 de maio de 2018, Palácio Itaboraí (Fiocruz Petrópolis).

RODAS DE CONVERSA


Confira os vídeos

ACESSAR

O LOCAL


Petrópolis, a "Cidade Imperial", fica na Região Serrana Fluminense, ainda na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Localizado em Valparaíso, próximo ao Centro de Petrópolis, o Palácio Itaboraí foi construído em 1892 como residência de verão do projetista e construtor italiano Antonio Jannuzzi. Mais tarde, abrigou o Colégio Americano e a primeira Faculdade de Direito de Petrópolis. A partir da década de 1930, foi utilizado como residência de verão dos governadores do Estado do Rio de Janeiro e, depois, por órgãos estaduais.

É uma construção eclética com repertório clássico da renascença italiana em sua implantação, composição e ornamentação. Em 1982, foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e pela Prefeitura de Petrópolis.

Em 1998, foi cedido à Fiocruz, que o restaurou para ser a sede do Fórum Itaboraí. Inaugurado em 2011 como uma unidade especial da Presidência da Fiocruz, o Palácio Itaboraí abriga o Fórum Itaboraí: Política, Ciência e Cultura na Saúde – espaço permanente de reflexão e geração de ideias. Reúne intelectuais, cientistas, artistas, gestores e comunidade em geral com o objetivo de formular políticas e práticas que reduzam as desigualdades sociais.